Blog do Robson

WTW INTENT CABEADA

Image and video hosting by TinyPic

Compartilhamento:

segunda-feira, 13 de março de 2017

Chove em 87 municípios do RN; Bom Jesus acumulou 164,7 mm

Dados são de boletim da Emparn divulgado nesta segunda-feira (13). Região Oeste teve maior quantidade de cidades com chuva.
Em Natal, acumulado foi de 26,6 milímetros (Foto: João Gabriel Castro/G1)
O fim de semana foi de chuva em 87 municípios do Rio Grande do Norte. Só em Bom Jesus, no Agreste, choveu 164,7 mm – o maior volume registrado. Os dados são da Empresa de Pesquisa Agropecuária do RN (Emparn) e se referem ao período das 7h da sexta-feira (10) até as 7h desta segunda (13).

Ainda no Agreste, choveu também em outros 17 municípios, com destaque para Monte Alegre (76 mm), Vera Cruz (68 mm), Jundiá (40 mm), Santo Antônio (32,6 mm), Serrinha (24,1 mm) e Ielmo Marinho (23 mm).

Já a região Oeste teve o maior número de cidades com chuva – 40. Choveu mais forte em São Rafael (146,9 mm), Martins (98 mm), Serra do Mel (84,5 mm), Paraú (78 mm), Viçosa (61 mm), Rafael Godeiro (54,4 mm) e Messias Targino (51 mm).

Na região Central, onde fica o Seridó, as chuvas do fim de semana molharam 19 municípios. Os maiores volumes caíram em Florânia (56,8 mm), Acari (41 mm), São Vicente (35 mm), Santana do Matos (30,5 mm) e Pedro Avelino (29,5 mm).

Natal (26,6 mm) e outros nove municípios do Leste potiguar registraram chuvas. Entre eles estão: Baía Formosa (114,7 mm), Montanhas (67,5 mm), Canguaretama (51,2 mm), Parnamirim (35,5 mm), Extremoz (31,1 mm) e Senador Georgino Avelino (25,5 mm).

Situação de emergência
No dia 23 de março, entra em vigor decreto que reconhece, pelo quarto ano seguido, a situação de emergência em 153 municípios potiguares afetados pela estiagem. Segundo Elizeu Lisboa Dantas, coordenador estadual de Proteção e Defesa Civil, as chuvas registradas nos últimos dias no interior ainda são insuficientes para tirar as cidades da emergência.

Em dezembro, o G1 publicou matéria mostrando que a mais longa e severa estiagem da história do estado está fazendo o maior reservatório do estado – a barragem Armando Ribeiro Gonçalves – secar. A reportagem visitou sete cidades onde os canos estão secos ou há rodízio de água – em uma delas, até uma cidade submersa pela represa reapareceu.

Fonte: G1 RN